Notícias


Transmissões de imagens em 8K durante a Copa do Mundo


 

Entre os dias 18 de junho e 11 de julho, enquanto a bola estiver rolando nos gramados brasileiros, a rede acadêmica será a grande protagonista nas transmissões de imagens em ultra alta definição durante a Copa do Mundo. O público em geral que estiver interessado em ver de perto imagens em 8K poderá se inscrever para assistir a uma das sessões que serão exibidas diariamente no auditório do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF), um dos espaços de visualização previstos durante o evento. As demonstrações exibirão conteúdos variados, para que o público conheça a tecnologia 8K e tenha uma experiência imersiva, diante de imagens com uma definição 16 vezes maior do que a Full HD.


 

Além das sessões de conteúdo gravado no CBPF, a RNP está envolvida em transmissões ao vivo de 9 jogos da Copa, selecionados pela emissora japonesa NHK. Através da conexão da rede Ipê, esses jogos serão transmitidos para sete locais, quatro deles no Japão, nas cidades de Tóquio, Yokohama, Osaka e Tokushima, e três no Rio  de Janeiro: no Riocentro (centro de imprensa do Mundial), no hotel Sofitel (hotel principal da FIFA) e no auditório do CBPF.

 

 

Na infraestrutura montada no Rio de Janeiro, o Ponto de Presença da RNP (PoP-RJ) será um ponto central para essas transmissões. Todos os estádios brasileiros que sediarão os jogos da Copa estão interligados por uma infraestrutura de rede fornecida pela Telebrás. Segundo o gerente de Comunidades e Aplicações Avançadas da RNP, Leandro Ciuffo, as imagens capturadas em 8K serão transmitidas para o Riocentro. “Do Riocentro, que está conectado à recém-inaugurada Redecomep Rio, esses dados serão transmitidos ao PoP-RJ e, depois, aos espaços de visualização pública no Rio e no Japão, com a participação de outras redes acadêmicas mundiais.”, explica Leandro, que coordena a participação da RNP no evento.

 

Brasil transmitirá jogos ao vivo para o Japão em 8K

O Japão, pioneiro na tecnologia 8K, foi o grande articulador do projeto, firmado entre a emissora japonesa NHK e a TV Globo, com o apoio técnico da RNP, da NTT, que opera uma rede de pesquisa japonesa, e em parceria com o CBPF. O principal objetivo era transmitir os jogos da seleção japonesa e outras partidas ao vivo em altíssima definição do Brasil para Tóquio. Após testes nas Olimpíadas de Londres em 2012, com o apoio de redes acadêmicas americanas e europeias, e no Brasil, no Fórum RNP 2013 e em evento promovido pela NTT no Rio em 2014, a viabilidade da transmissão tornou-se real. 

Durante a Copa, a transmissão de jogos para o Japão deverá seguir por quatro rotas diferentes, a principal delas saindo do Rio direto para o Ceará, através da nova conexão internacional da RNP entre Fortaleza e Miami, de 10 Gb/s. Outro caminho é o cabo submarino entre o Rio e São Paulo e, depois, a conexão de São Paulo aos Estados Unidos. A rota pela RedClara, ou pela Internet2 em Miami e em Seattle, ou de Nova York até Tóquio pela rede acadêmica japonesa SINET4 são também uma opção. Ainda está prevista, como backup, a rota pela rede de experimentação mantida pela NTT, a GEMnet2, conectada a instituições de pesquisa e redes acadêmicas do Japão.

Demonstração 8K em números:

  • 9 jogos da Copa serão transmitidos ao vivo para o Japão em 8K
  • A tela de projeção instalada no CBPF tem 275 polegadas (6,30m X 3,63m)
  • Auditório foi equipado com 22.2 canais de áudio
  • 4 rotas diferentes, via Internet, foram configuradas para a transmissão entre Brasil e Japão.
  • 3 espaços de visualização no Rio de Janeiro e 4 no Japão receberão as transmissões 8K.
  • 24 Gb/s é a largura de banda necessária para transmitir jogos ao vivo no Brasil sem compressão
  • Após a compressão, essa largura de banda cai para 300 Mb/s
  • 8K tem definição 16 vezes superior a Full HD ou 4 vezes superior a 4K (7.680 por 4.320 pixels)

Veja mais em:

 






 

Busque em nosso site:

ícone Lupa
ícone Lupa

Restringir à: Título Sub-Título Descrição Conteúdo

Data de Início: Data Fim:

Restringir a busca por conteúdos do tipo: Notícia
CINE GRID